Arroz Chaufa: uma mistura de sabores de inspiração asiática

Arroz Chaufa: uma mistura de sabores de inspiração asiática

Conheça essa e outras receitas típicas da América Latina que têm origem nos países da Ásia

Você sabia que muitas receitas tradicionais da América Latina têm origem na imigração asiática iniciada a partir do século XIX? Com o fim da escravatura nos países do nosso continente, trabalhadores vindos de países da Ásia passaram a ser contratados para trabalhar na agricultura. Foi assim que o Peru se tornou a maior colônia chinesa na América Latina. O Barrio Chino, na capital Lima, é o maior símbolo dessa comunidade. O Peru também é a segunda maior colônia japonesa fora do Japão, atrás somente do Brasil.

Dos imigrantes chineses, a cozinha peruana herdou o Arroz Chaufa, que é preparado há mais de 150 anos. Chaufa vem de “chaufan”, que quer dizer “arroz frito”, e o prato consiste em um mexidinho feito com arroz e diferentes carnes mais shoyu, gengibre e pimentões, tudo feito em uma única panela. Ao longo dos tempos, a receita foi ganhando novas interpretações e chegou a restaurantes peruanos estrelados de todo o mundo. Hoje, é possível encontrar preparações que levam até diferentes frutos do mar.

A imigração dos japoneses também marcou fortemente a cozinha do Peru e fez nascer ali a cozinha Nikkei, que é a fusão de preparos japoneses e peruanos, rica em aromas e sabores. Peixes crus e receitas a base de arroz e macarrão fazem parte do cardápio. Variações de ajíes, que são as pimentas peruanas, também costumam integrar os pratos dessa cozinha difundida em todo o mundo. Um deles é o tiradito, que leva peixe fresco cortados em lâminas bem finas e suco de limão.

Já no Brasil, uma das heranças marcantes é o sobá, típico do Japão, que se popularizou no Mato Grosso do Sul e é considerado um bem cultural de natureza imaterial pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Na capital, Campo Grande, há até um festival gastronômico dedicado à receita.

A versão brasileira veio da região de Okinawa e, em sua origem, leva macarrão de trigo sarraceno. Por aqui, ele é feito com massa de trigo branco, omelete, carne de porco, cebolinha e um caldo temperado com sake mirim e shoyu. Para saber mais sobre o sobá, clique aqui.

Sem comentários

Desculpe, os comentários estão indisponíveis no momento.