Como é feito o Molho Sakura?

Como é feito o Molho Sakura?

 

Olá, pessoal!

Como vocês já sabem, este ano a Sakura completou 77 anos de história, tradição e qualidade. Você acompanhou, durante todo o mês de outubro, um especial com receitas deliciosas e inesquecíveis, que ficarão marcadas no gosto dos brasileiros.

Continue conosco, venha fazer parte da nossa história. Conheça mais um pouco sobre processo de fabricação do nosso principal produto, o molho de soja, que aqui entre nós, já é sinônimo de Sakura!

Sabemos que, quando se trata de alimentação, existem cuidados que fazem a diferença. Calorias e outras informações nutricionais como presença de glúten e gorduras trans são dados que interessam ao consumidor.

A Sakura acompanha as discussões atuais sobre saúde e qualidade de vida para preservar a sua filosofia de oferecer produtos com qualidade, a partir de cuidados que começam na escolha e seleção das matérias-primas e se estendem a todas as etapas do processo produtivo e de desenvolvimento de versões para todos os gostos e momentos.

 

Grãos não transgênicos

Tudo começa com a seleção e escolha dos grãos de soja e milho. As sementes selecionadas não são transgênicas, ou seja, não são geneticamente modificadas. Combinadas com os micro-organismos que participam do processo de fermentação natural, possibilitam a produção do Sakura com as suas principais características, de proteína, sabor e aroma.
As sementes, certificadas, são plantadas em fazendas com manejo controlado para evitar a contaminação cruzada. A empresa adota um rigoroso sistema de rastreamento do transporte e armazenagem e somente após análises especializadas os grãos entram no processo de fabricação.

 

colheita_soja

 

Fermentação natural

Os grãos cozidos e torrados, agregados de micro-organismos, vão para uma estufa para o processo de fermentação, 100% natural. Os equipamentos são de última geração, totalmente automatizados e próprios para o controle de fermentação de grãos para produção do molho de soja.

Depois desse processo, inicia-se o período de seis meses de fermentação e, finalmente, após a pasteurização e formulação, o Sakura está pronto para o envase. Desde que as matérias primas entram na fábrica, até chegar às lojas, à sua casa e aos restaurantes, são necessários meses de um primoroso processo de produção, feito com carinho e cuidado, atributos que refletem na percepção que você tem ao ver a famosa molheira de vidro com o pescoço fino e arredondado na base, com a tampa amarela ou verde ou as outras embalagens com a nossa marca.

 

imagem_soja1

 

Livre de glúten

Poucos sabem, mas a milenar receita para produção do molho de soja, utilizada ainda hoje pelos fabricantes mundiais, combina a soja com o trigo. A Sakura, porém, adaptou essa fórmula às condições brasileiras e substituiu o trigo pelo milho, garantindo assim um molho de soja livre de glúten. Assim, a Sakura fabrica em escala industrial um molho de soja glúten-free, sem transgênicos e com fermentação 100% natural.

 

fabricasp3

 

Diferentes momentos, diferentes gostos

O Molho Sakura está disponível em várias versões: Sakura Tradicional, um clássico para pratos do dia a dia; Sakura Light, com 30% a menos de sódio quando comparada a versão Tradicional; Sakura Premium, mais encorpado e intenso, ótimo para o preparo de carnes e uso à mesa, e Sakura Picante, com um toque brasileiro de pimenta malagueta.

 

molhos_sakura

 

Estamos investindo e nos aperfeiçoando ao longo desses 77 anos, queremos fazer por merecer a sua preferência e confiança.

Gostou de conhecer um pouco de como é o processo de fabricação do famoso molho Sakura?

Continue acompanhando o nosso blog, tem sempre novidades deliciosas para você.

 

Até a próxima!

次回まで

Sem comentários

Insira um comentário